Construção de telhados com madeira roliça, no meio rural, foi assunto do curso do Senar Minas realizado em Jordânia, município do Vale do Jequitinhonha. O evento capacitou 10 pessoas, a maior parte agricultores e pecuaristas.

A especialização teve carga horária de 40 horas. As aulas foram realizadas na fazenda Bela Vista e ministradas pelo instrutor Anderson Pinto Botelho, que ensinou técnicas básicas, específicas e gerenciais de carpintaria. “Foi um curso diferente, pois cobrimos um cocho para alimentação de bovinos”, ressaltou o instrutor.

Ainda de acordo com Anderson, o resultado do curso foi muito elogiado pelo dono da propriedade, Amilton Mangaba, que ainda não havia finalizado a construção. “Utilizamos encaixes do tipo topejo e um sistema de travessas que permitiram fazer o telhado com baixo custo e com ótimo acabamento, aproveitando os postes de madeiras já existentes na fazenda”.

Nos cincos dias de aulas, os participantes aprenderam desde a postura adequada para o exercício da função, tipos de madeira, esquadrejamento, planejamento, seleção da madeira, fixação dos caibros, fixação das ripas, colocação das telhas e proteção das madeiras até o reaproveitamento e descarte dos resíduos da madeira, entre outras habilidades do ofício.